Vistorias do Produtor de Água contam com análise da qualidade da água nas propriedades

0
14

As vistorias do Produtor de Água do Rio Camboriú contam com uma novidade: a coleta de água nas propriedades participantes para verificar a qualidade do líquido. Nas duas visitas desta quinta-feira (13) nas localidades dos Macacos e do Louro, as coletas foram feitas e as amostras enviadas para análise laboratorial. Caso alguma propriedade apresente parâmetros fora do recomendado, a equipe procura identificar a causa e orientar os proprietários em qual ação tomar.

De acordo com a engenheira Ambiental, Rafaela Comparim Santos, o monitoramento hidrológico já ocorria dentro do projeto, mas não estava incluída as análises nas propriedades, surgindo agora essa possibilidade por meio da parceria com a Empresa Águas de Camboriú. “Como esse já era um pedido de alguns produtores rurais para saberem a qualidade da água nas propriedades, essas análises são mais um benefício aos participantes”, menciona a responsável do projeto, destacando que as coletas serão feitas durante as vistorias, mas não é uma condicionante para aprovação do pagamento. “Para aprovação do pagamento verificamos as áreas conservadas e em processo de restauração”.

Com o auxílio de drone, a equipe vistoriou nesta semana duas propriedades. Na propriedade de Ciro Meireles Jacobsen, com área total de 129 hectares, sendo 121 hectares de área conservada inseridos, foi a última vistoria do atual contrato com possibilidades de renovação, conforme relatou o proprietário. Também verificaram a propriedade de 81 hectares de Ana de Oliveira, com 63 há de área conservada inserida no projeto.

As propriedades visitadas seguem cumprindo os requisitos estabelecidos, estando aptas a receberem o auxílio por praticarem ações que contribuem com a bacia hidrográfica do Rio Camboriú. Estavam presentes: a coordenadora do projeto, Rafaela Comparim Santos; a estagiária Luzia Biondo; servidor da FUCAM, André Luiz Campos da Silva; e o gerente de Operações da Emasa, Ricardo Barbieri.

Sobre o Produtor de Água

O Produtor de Água do Rio Camboriú foi criado pela Empresa Municipal de Água e Saneamento de Balneário Camboriú (EMASA) em 2009, inspirada pelo Programa Produtor de Água da Agência Nacional de Águas (ANA) e por experiências internacionais. A iniciativa destina parte dos recursos da arrecadação anual, para a conservação e recuperação da bacia hidrográfica do Rio Camboriú, incentivando proprietários rurais a adotarem práticas conservacionistas em suas propriedades.

O projeto conta atualmente com 23 propriedades parceiras e possui 1.086 hectares de área conservada, além de 70,97 hectares em processo de restauração.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here