Cesta básica inicia o ano com alta em Itajaí

0
28

O mês de janeiro registra alta nos alimentos que compõem a cesta básica em Itajaí. A variação média de preços ficou em 6,08% na soma dos produtos de menor valor e 2,34% na soma dos produtos com os preços mais altos da cesta. Os números registrados pela fiscalização da Procuradoria do Consumidor (Procon) de Itajaí são de 36 itens básicos do consumo dos brasileiros. Os fiscais estiveram em oito estabelecimentos nos dias 04 e 05 de janeiro.

Mesmo com a queda registrada nos preços de feijão, carne suína, manteiga, pasta de dente e água sanitária em comparação a dezembro, a cesta ainda registrou aumento de preços no geral. Produtos como álcool gel 70%, cebola, batata lavada, sabão em pó e farinha de mandioca tiveram um salto no preço acima de 25%.

A cesta básica composta pelos produtos com menores preços nos mercados ficou em R$ 197,98, enquanto a cesta fechada com os produtos mais caros saiu por R$ 324,87. A diferença entre as somas dos mais caros e mais baratos chegou a mais de R$ 126,89. Por isso, o Procon de Itajaí orienta os cidadãos a pesquisarem os preços, pois com os aumentos registrados, a cesta básica interfere cada vez mais no orçamento familiar.

A diferença de preços entre os mercados ultrapassa os 100% no achocolatado em pó, encontrado com valores de R$ 2,29 até R$ 5,59. Já o sabonete registrou uma diferença de R$ 5,14 entre o valor mais caro e o mais barato. Outros produtos como os quilos da cebola, de tomate e desinfetante marcaram uma diferença de aproximadamente 100%.

Além dos preços, o Procon orienta aos consumidores para observarem o prazo de validade dos produtos para não comprar além do que pode ser consumido antes do período de vencimento.

O Procon de Itajaí fica situado na Avenida Joca Brandão, 655, Centro – Itajaí-SC. Em caso de dúvidas ou denúncias, utilize o telefone 151, (47) 3349-6147 ou por meio do e-mail procon@itajai.sc.gov.br.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here