Magistrada discutirá algo mais do que punição para homens que agridem mulheres

0
16

Não basta punir os homens condenados por violência contra a mulher, é preciso educá-los, conscientizá-los e tratá-los. É este o objetivo do Projeto Ressignifica Maria, da Secretaria de Estado de Administração Prisional e Socioeducativa (SAP). A iniciativa será debatida nesta quinta-feira (26/11), às 17h, pela Plataforma Teams, e contará com a participação da magistrada Naiara Brancher, juíza cooperadora da Cevid. O evento é uma parceria da Coordenação de Projetos Especiais, da SAP, com o Tribunal de Justiça de Santa Catarina, o Centro de Educação Superior do Oeste, a Udesc e a Unochapecó.

Ao lado da juíza Naiara estarão o professor Murilo Cavagnoli, psicólogo especialista em Psicologia Social; a professora Denise Antunes de Azambuja Zocche, coordenadora do mestrado profissional em enfermagem da Udesc; Juliana Coelho de Campos, da SAP e coordenadora de Projetos Especiais; a acadêmica de psicologia da Unochapecó Eduarda de Almeida Rebelato; e a acadêmica de enfermagem Juliana Hirt Batista, estagiária da Coordenação de Projetos Especiais. Os participantes serão certificados pela Udesc.

Para participar, basta preencher o link:

https://docs.google.com/forms/d/e/1FAIpQLSef2Ic9Oj1K853dvn7G4D0X5beGjEUgICserXqH9cYdKgHnag/viewform

Mais informações podem ser obtidas pelo e-mail projetosespeciais@sap.sc.gov.br ou no telefone (49) 2049-9613.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here